Prorrogação dos prazos para Redução de Jornada e de Salário e Suspensão do Contrato de Trabalho

O decreto prorroga os prazos para celebrar os acordos de redução proporcional de jornada e de salário e de suspensão temporária do contrato de trabalho e para efetuar o pagamento dos benefícios emergenciais.

O prazo máximo para celebrar acordo de redução proporcional da jornada de trabalho e de salário que era de noventa dias, fica acrescido de trinta dias, de modo a completar o total de cento e vinte dias.

O prazo máximo para celebrar acordo de suspensão temporária do contrato de trabalho era de sessenta dias, fica acrescido de sessenta dias, de modo a completar o total de cento e vinte dias.

O texto esclarece ainda que a suspensão do contrato de trabalho poderá ser efetuada de forma fracionada, em períodos sucessivos ou intercalados, desde que esses períodos sejam iguais ou superiores a dez dias e que não seja excedido o prazo de cento de vinte dias.

Os períodos de redução proporcional de jornada e de salário ou de suspensão temporária do contrato de trabalho utilizados até a data de publicação do Decreto serão computados para fins de contagem dos limites máximos resultantes do acréscimo de prazos.

Fonte: https://estellalopes.jusbrasil.com.br/noticias/875209968/prorrogacao-dos-prazos-para-reducao-de-jornada-e-de-salario-e-suspensao-do-contrato-de-trabalho?ref=feed

Create A product first!

Create a product first please!